banner-sub

Conferências

Local: Auditório

 

Dia 05/11 - Terça-Feira

Conferência WS1 - 10h30 as 11h30

Coordenação: Alan Ricardo da Silva (UnB)

Paulo de Martino Jannuzzi (Ministério do Desenvolvimento Social)

Título: Produção de Informação e Conhecimento para Políticas Públicas: a experiência da SAGI/MDS na realização de pesquisas e integração de cadastros e registros públicos

A produção de informação e conhecimento sobre políticas e programas públicos vem crescendo de forma muito rápida e consistente pelo mundo afora em universidades, centros de pesquisas, agências multilaterais e também dentro da própria Administração Pública.  Programas educacionais e de saúde pública, programas de transferência de renda e ações de combate à violência são alguns dos objetos de investigação recorrente e atual da pesquisa aplicada em políticas públicas em diversos países, mobilizando comunidades significativas de sociólogos, economistas, estatísticos e outros profissionais do campo de Monitoramento e Avaliação, como têm revelado as revistas acadêmicas e congressos dedicados ao tema. Procura-se ilustrar na palestra os diferentes instrumentos e pesquisas usados na Secretaria de Avaliação e Gestão da Informação do Ministério de Desenvolvimento Social  para produzir informações e conhecimento para aprimoramento de suas Políticas e  Programas. Pesquisa amostrais, pesquisa em painel longitudinal e integação de registros de programas com o cadastro único são algumas das aplicações apresentadas.

 


Conferência WS2 - 11h30 as 12h30

Coordenação: Denise Britz do Nascimento Silva (ENCE/IBGE)

Ronaldo Iachan (ICF International)

Título: Statistical Methods for Evaluation Studies with Applications

This conference presents a review of evaluation studies with illustrations in the education, social, health, energy and environmental areas. We present notions of randomized controlled trials (RTC), pre-and post- studies, comparison studies, and double difference designs. The evaluation examples provide a range of sampling designs and more general study designs. Motivating examples will show the need for follow-up measurements, whether with a repeated cross-sectional or a longitudinal design, for random assignment, and for matched comparisons groups. We will also touch on the use of propensity scores for matching and propensity models more generally for controlling for attrition (non-response) and selection bias. Examples will include RCT impact evaluations for child labor and education programs in Latin America, an evaluation of health models in a NYC health center with a longitudinal design with a comparison group. Surveys are often components of these evaluations. Sample size development must take into account their complex design with clustering due to multistage sampling as well as to repeated measures.

 


Conferência Wilton Bussab - 16h30 as 18h

Coordenação: Pedro Luis do Nascimento Silva (ENCE/ IBGE)

Fernando Moura (UFRJ)

Título: Robust Models to Finite Population Inference under informative Sampling

The aim of this conference is to present models for robust inference in finite populations that accommodate the presence of aberrant observations ("outliers"). A literature review of the main methods used is presented. In particular, we propose a t-student hierarchical model, where the degree of freedom is considered unknown. Objective priors for the hyperparameters are obtained and analyzed. Finally, we present the fit of the model under an informative sampling design, defining first, the concept of informative sampling under the Bayesian and classical approach. An application to income data is presented to illustrate the methodology and compare it with other alternative models.

 



Dia 06/11 - Quarta-Feira

Conferência 1 - 10h30 as 11h30

Coordenação: Claudete Ruas (UnB)

Francisco Bastos (Fiocruz)

Título: Acessando populações de difícil acesso: a experiência de um não-amostrista no campo

A apresentação sintetiza diferentes etapas do trabalho de campo realizado junto a uma população de acesso particularmente complexo e difícil: os usuários de crack e outras modalidades de cocaína fumada em contexto, ou seja, nas próprias cenas de tráfico e consumo. O estudo procurou responder a uma demanda da SENAD (Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas) formulada em função do clamor público com relação às assim denominadas “cracolândias” (cenas abertas de tráfico e consumo de crack) e da ausência de dados sobre o tema, exceção feita a estudos etnográficos dos locais de uso e séries históricas de dados referentes a populações cativas (como estudantes e pacientes de clínicas de tratamento) e domicílios privados (inquéritos domiciliares). A proposta do nosso grupo, a partir de um desenho amostral complexo, compreendendo múltiplas etapas, formulado por amostristas com larga experiência na área, incluiu basicamente: a partição do país em estratos de interesse (capitais, regiões metropolitanas federais e estrato referente aos demais municípios brasileiros), o mapeamento das cenas de uso com vista à elaboração de um cadastro das cenas de uso, e a definição de procedimentos padrão de coleta de informações referentes aos usuários em contexto. Cada uma dessas etapas se viu às voltas com desafios substanciais, basicamente decorrentes da necessidade de combinar rigor acadêmico e acessibilidade às cenas mediadas por lideranças locais (combinação nem sempre exitosa), da mobilidade extrema das cenas de tráfico e uso em função de sua dinâmica intrínseca e/ou em resposta às ações do poder público (por exemplo, ocupações de território por parte de forças de segurança), além da persistente e intensa violência no contexto das cenas de uso, bloqueando ou dificultando sobremaneira o acesso e a coleta de informações. A despeito de todas essas dificuldades, foi possível entrevistar mais de 7000 usuários de crack e similares em contexto, configurando o maior estudo já realizado nessas circunstâncias. Finaliza-se a apresentação com um breve debate de como lidar com as perdas de informação e falhas supramencionadas, no sentido de obter não um retrato ótimo (por ora, impossível), mas factível de uma questão que desafia os pesquisadores brasileiros e os cidadãos brasileiros de uma forma geral.

 


Conferência 2 - 11h30 as 12h30

Coordenação: Marcel de Toledo Vieira (UFJF)

Peter W. F. Smith (University of Southampton)


Título: Statistical Modelling of Population Processes 

Some recent work on the modelling of population processes using Bayesian methods is described. After the rationale for using Bayesian methods is discussed, two examples are presented. The first example explores the consequences of choosing different specifications of age-specific fertility and mortality in a closed cohort projection model in terms of its forecasted populations and measures of uncertainty. For illustration, a historical time series of fertility and mortality from England and Wales are used. The second example provides estimates of international migration flows amongst 31 countries in the European Union and European Free Trade Association from 2002 to 2008, based on data collected by individual countries with separate collection systems and designs. As a result, the reported data are inconsistent in availability, definition and quality. Covariate information and information provided by experts on the effects of undercount, measurement and accuracy of data collection systems are incorporated, and a synthetic data base with measures of uncertainty for the migration flows and other model parameters is produced.


 


Dia 07/11 - Quinta-Feira

Conferência 3 - 10h30 as11h30

Coordenação: Édina Shisue Miazaki  (UnB/Statistika)

Marco Natalino (Ministério do Desenvolvimento Social)

Título: Avaliação e Monitoramento da Pobreza no  Brasil: Painel Longitudinal de Pobreza e outros instrumentos do MDS

A pobreza é fenômeno complexo e multideterminado, requerendo programas e ações de diferentes naturezas para sua superação. Neste sentido, O MDS tem proposto, desenvolvido e realizado diversas pesquisas e instrumentos para sua mensuração e acompanhamento, valendo-se de metodologias quase-experimentais, surveys, Cadastro único e sua integração com outras fontes de informação, e mais recentemente a Pesquisa Painel Longitudinal de Pobreza. Trata-se da primeira  pesquisa longitudinal de ampla cobertura no Brasil: 11 mil famílias, em dois contextos espaciais - Sudeste Metropolitano e Semiárido, durante 3 anos, com coletas de dados quadrimestrais, com questionários fixo e rotativos, para investigar determinantes da pobreza, dificuldades de acesso a programas sociais, inserção  e mobilidade no mercado de trabalho. 

 


Conferência 4 - 11h30 as 12h30

Coordenação: Cristiano Ferraz (UFPE)

Jay Breidt (Colorado State University)


Título: Incorporating auxiliary information into complex survey estimators through modern regression methods

This talk reviews the design-based, model-assisted approach to using data from a complex survey together with auxiliary information to estimate finite population parameters.  A general recipe for deriving model-assisted estimators is presented and specific examples including kernel regression, penalized spline regression, endogenous poststratification, and the lasso are discussed.  Application to US forestry surveys illustrate some of the methods.


 


Dia 08/11 - Sexta-Feira

Conferência 5 - 10h30 as 11h30

Coordenação: Osiris Turnes (UnB)

Cristiano Ferraz (UFPE) e Marcel de Toledo Vieira (UFJF)


Título: Sample Design for the Yemeni National Social Protection and Monitoring Survey (NSPMS)

Survey samples for impact evaluation of welfare programs aim to allow for comparative assessment between population subgroups of program beneficiaries (treatment group) and non-beneficiaries (one or more control groups). The NSPMS is currently being carried out by the Unicef-Yemen with the methodological support of the International Policy Centre for Inclusive Growth (IPC-UNDP), and was based on a clustered and stratified two phase sampling design involving the selection of units with probabilities proportional to a size measure. The NSPMS is a longitudinal househould survey planned to last for 12 consecutive months and aims to accommodate the Social Welfare Fund program impact assessment providing parameter estimates quarterly. In this talk, we introduce the NSPMS crosssectional and longitudinal sample design. 


Conferência 6 - 11h30 as 12h30

Coordenação: Claudete Ruas  (UnB)

Denise Britz N Silva (ENCE)

Título: Análise de Séries Temporais de Pesquisas Amostrais Periódicas

Várias das séries temporais utilizadas por diversos setores da sociedade, como fonte de informação para o conhecimento da realidade ou como base de dados para pesquisa científica, são provenientes de pesquisas amostrais repetidas no tempo. No caso de pesquisas repetidas por amostragem probabilística, deve-se considerar o efeito que o desenho amostral da pesquisa exerce sobre a série observada, influenciando diretamente a autocorrelação da série e, consequentemente, o modelo a ser utilizado. As séries estão sujeitas a erros amostrais cuja estrutura de correlação e variabilidade precisam ser incorporadas no processo de modelagem.  Para isto são utilizados modelos de espaço de estados. Nesta conferência são apresentados a formulação dos referidos modelos e exemplos de sua utilização para análise de séries temporais produzidas pelo IBGE.